Marta - seis vezes vencedora do prémio Futebolista Feminino do Ano da FIFA

março 18, 2022

Marta é frequentemente chamada como a “rainha do futebol”. Nenhuma outra jogadora tem mantido esse nível durante quase duas décadas e colecionou tantos prémios.

 

Marta Vieira da Silva enfrentou dificuldades desde o início. Ela cresceu sem pai, que deixou a família quando tinha apenas um ano de idade. A futura rainha do futebol brasileiro também lutou contra a pobreza, a fome e mesmo o preconceito dos seus próprios irmãos, que não apoiaram o jogo de futebol da sua irmã mais nova.

 

Depois de iniciar a sua carreira como jogadora de futebol profissional, muitos experts não podiam acreditar que uma mulher pudesse fazer o que Marta fez, enquanto outros simplesmente admiravam as suas atuações extraordinárias. A geração mais jovem em particular pode olhar para Marta como um modelo a seguir, uma inspiração e confirmação de que um dia os seus sonhos também se podem tornar realidade num desporto que já não é apenas para homens.


“Marta é o nome mais famoso no futebol feminino, ela ganhou para que pudéssemos atingir o nível em que estamos hoje”, disse Thais Monteiro, uma jogadora médio ofensiva da equipa da Grota de Niteroi. 

As conquistas pessoais de Marta como campeã mundial de futebol podem ser comparadas às de Cristiano Ronaldo e Lionel Messi, enquanto nem mesmo Pelé pode afirmar ter marcado mais golos para o Brasil. Foram marcados 15 golos durante os quatro jogos do Campeonato do Mundo, com Marta a bater os recordes dos antigos atacantes: Birgit Prinz e Abby Wambach. Ela também conseguiu vencer Miroslav Klose, o melhor marcador do Campeonato do Mundo. No entanto, os êxitos de Marta não se limitam às suas façanhas no campo, ela é também embaixadora da ONU e a primeira mulher a ter os pés imortalizados na Calçada da Fama do Maracanã.